Você está aqui:Home/Mostrando itens por tag: mma
A+ R A-

 

Após o sucesso da edição de estreia, em novembro de 2016, o Katana Fight volta a realizar a edição Gold neste sábado, dia 25 de março, com 11 combates de MMA profissional, incluíndo na luta principal o ex-UFC Leonardo Leleco, que enfrenta o prospecto Cristiano Urso.
 
Não vai haver venda de ingressos, já que está será uma edição VIP, assim como a primeira edição. São 50 mesas ao redor do cage, com preço que varia entre 400 e 600 reais, com open bar (bebida liberada).
 
O público que quiser assistir o evento pela internet pode pagar o valor de 14,90 reais para assistir a transmissão ao vivo do evento. O site para assistir é o https://xfightnow.com.br/katana/.
 
Veja o card completo e clique aqui para ver a galeria de fotos da pesagem e as encaradas,
 
Katana Fight - Gold 2
Sábado, 25 de março de 2017
 
84 Kg: Cristiano Frolich "Urso" vs. Leonardo "Leleco" Guimarães
77 Kg: Eduardo "Camelo" vs. Alfredo "Junior Orgulho" Souza
57 Kg: Matheus "Teeik" Silva vs. Hamyrez Santos
70 Kg: Kaik Brito vs. Elder "Bebê Monstro" Amorim
68 Kg: Arthur Lima vs. Fábio Lima
89 Kg: Thiago "Buda" Moreira vs. Adriano Taveira
70 Kg: Francivaldo "Massarinha" vs. Carlos Leal Miranda
93 Kg: Johnny Walker vs. Luiz Guilherme "Soldado"
57 Kg: Kaick Alencar vs. Michel Costa
57 Kg: Flávio "Madruga" vs. Luan Henrique
66 Kg: Wanderson dos Santos vs. Caique "The Mask" Luko

 

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Reconhecido com um dos principais eventos de MMA do país, o Shooto Brasil realiza sua segunda edição em 2017 neste domingo, dia 26 de março. Tradicional berço da organização, o Clube Hebraica Rio recebe o seu 70° show com um card que promete. Na luta principal o amazonense Dileno Lopes encara o amapaense Eliel Topete Dourado pela divisão dos moscas (até 57kg). O evento, que conta com oito duelos profissionais, além de duas lutas amadoras, tem início as 20h, com transmissão ao vivo do Canal Combate.

"Vamos cumprir a promessa de realizar 12 eventos no ano. O objetivo do Shooto sempre foi preparar esses garotos para os grandes eventos internacionais e fico muito satisfeito quando vejo um grande talento sair do nosso cage para o mundo, como já aconteceu com vários nomes que hoje são grandes estrelas de suas companhias. Para essa edição minha expectativa está muito alta, o Dileno teve a chance dele no UFC e infelizmente as coisas não saíram como ele esperava, mas é um atleta de alto nível e não tenho dúvida que vai brigar para voltar ao Ultimate", afirma Dedé Pederneiras, presidente do Shooto Brasil.

Recém demitido do UFC, Dileno Lopes faz seu primeiro duelo depois da passagem apagada pela maior organização de MMA do mundo, com dois reveses. Aos 32 anos e natural de Manaus, no Amazonas, o lutador da Nova União foi finalista da quarta temporada do TUF Brasil e retorna ao cage do Shooto após três anos. Com um extenso cartel de 18 vitórias e apenas três derrotas, o peso-galo (até 61kg) vai descer de categoria para encarar Eliel Topete Dourado na divisão dos moscas (até 57kg).

Oponente de Dileno, Eliel é um velho conhecido do Shooto com quatro duelos realizados na organização. Membro da Beto Padilha Team, o lutador do Amapá possui um cartel irregular de 17 vitórias e 17 derrotas e busca se recuperar do último reveses sofridos para Nikolas Motta e Léo Jacaré.

Outro destaque da noite do Shooto Brasil 70 é a presença de Rafael Bernardo, membro da equipe Nova União e soldado do Bope (Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar do Rio de Janeiro). Os duelos de Rafael no Shooto são sempre um show à parte, pela presença de dezenas de policiais militares fazendo muito barulho para apoiar o companheiro de corporação. Ele encara Roger Berger, em peso combinado de até 68kg. O evento conta ainda com o duelo entre Guilherme Doin e Thiago Manchina, na co-luta principal da noite.

Shooto Brasil 70

Data: Domingo, 26 de março de 2017
Horário: 20h (Ao vivo no Canal Combate)
Local: Clube Hebraica Rio
Endereço: Rua das Laranjeiras 346 - Laranjeiras, Rio de Janeiro
Venda de ingressos: R$ 100 - Academia Upper - Rua Marques de Abrantes, 96 - Flamengo/RJ

Card de lutas

Até 57kg: Dileno Lopes (Nova União) x Eliel Topete Dourado (BPT)
Até 70kg: Guilherme Doin (Nova União) x Thiago Manchinha (Baixinho Team)
Até 68kg*: Rafael Bernardo (Nova União) x Roger Berger (DTM / Mezenga Team)
Até 57kg: Maycon Boca (Nova União) x Ralph Leandro (Ari Fight)
Até 52kg: Joicemara da Silva (JMT / Manaus Fight) x Elaine Leal (Eudes Team / GFT)
Até 57kg: Matheus Malta (Diogo Tavares Team) x Jean Torres (Belfort Gym)
Até 68kg*: Rangel de Sá (Team Lumpinne Thai / Nova União) x Jobson Nogueira (Nova União GS Team)
Até 63kg*: Carlos Augusto (Corinthians MMA) x Hudson Sombra (Nova União)

Card amador

Até 61kg: Valter Agripino (Relma Combat) x Antonio Marcos (Will Ribeiro Nova União)
Até 61kg: Luanderson Silva (BPT Pernambuco) x Cleiver Fernandes (Nova União)

*Peso combinado

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Três continentes, cinco países e mais de 30 mil quilômetros percorridos. De norte a sul, de leste a oeste, de avião, de carro e a pé. Por longos três meses, Rodrigo Minotauro atravessou um extenso labirinto para desvendar os segredos de seis artes marciais que ajudaram a moldar o que hoje é o MMA. O resultado desse passeio pelo mundo das lutas vai ao ar na série documental "Viver para lutar", coprodução do UFC, Combate e MixerFilms que o canal de lutas exibe, em seis capítulos, a partir do dia 27.
  

 

"Em toda a minha vida eu vivi de arte marcial e mesmo com todos os cinturões, vitórias que conquistei, essa foi a experiência mais incrível de toda a minha vida. Estar no berço das artes marciais, poder experimentar aquilo da fonte, ao lado de lutadores e dos mais importantes mestres de cada modalidade, ouvir, conversar, perguntar, acompanhar o dia a dia, a alimentação, a cultura, foi um grande aprendizado. Estar ao lado de tudo que há de mais alto nível nesses esportes é um sonho realizado", contou Minotauro.
   

 

No episódio de abertura, que será exibido na segunda-feira, dia 27, às 20h, Minotauro vai até Bangkok, na Tailândia, para acompanhar de perto a rotina dos atletas de muay thai. Durante a visita, o ex-lutador é apresentado ao ídolo da modalidade Buakaw Banchameck, vencedor de mais de 200 lutas e campeão do famoso K1, além de acompanhar treinamentos e combates em arenas do tamanho de estádios de futebol, como o famoso Rajadamnern.
   

 

"Foi uma das cidades que mais me identifiquei, por toda a forma como a arte marcial é levada e pela influência que ela exerce sobre o povo local. Gostei tanto que fiquei mais algumas semanas lá por conta própria e aprendi muita coisa interessante, tanto na parte técnica quanto na filosofia de vida", destaca Minotauro.
  

 

Com direção geral de Rodrigo Astiz e direção de Nikolas Fonseca, ambos da Mixer Films, a série acompanha a saga de Minotauro, que passou ainda por Rússia, Japão, Coreia do Sul e Estados Unidos, onde vivenciou a rotina de treinos dos atletas de sambo, caratê, judô, taekwondo e wrestling:
   

Sinopses dos episódios, por ordem de exibição:
 

TAILÂNDIA - Na Tailândia, Minotauro visitou um dos maiores lutadores de Muay-thai de todos os tempos, Buakaw Banchameck, vencedor de mais de 200 lutas e campeão do famoso K1, além de acompanhar treinamentos e combates em arenas do tamanho de estádios de futebol, como o famoso Rajadamnern.

COREIA - Na Coreia, esteve com o primeiro medalhista olímpico de Taekwondo, mestre Kuk Hyung Jung (Ouro em Seoul, 1988) e conheceu e treinou com a atual campeã olímpica da modalidade na Rio 2016, Hye-ri Oh.

JAPÃO 1 - Viajando para a Ilha de Okinawa, Minotauro vestiu o kimono que sempre quis vestir para entender de onde surgiu uma das artes marciais mais praticadas no mundo, o Caratê. Por lá, treinou com o Sensei Minoru Higa, graduado com o incrível décimo dan e responsável pelo Dojo da Kyudokan, conhecido pelo estilo original do caratê, o Shorin-ryu. Por fim, na avenida principal da capital Naha, Nogueira se emocionou ao ver mais de quatro mil pessoas executando o mesmo movimento de Kata para bater o recorde mundial.

RÚSSIA - Rodrigo Minotauro foi até Moscou, capital da Rússia, para conhecer melhor a arte marcial que tanto o desafiou ao longo de sua carreira: o Sambo. Para isso, visitou a escola e academia Sambo 70, templo da luta agarrada russa. No celeiro dos maiores nomes desse esporte, Minotauro acompanhou e participou dos treinamentos da equipe profissional, conheceu as crianças que também estudam por lá e se aprofundou na trajetória de dois lutadores de destaque.
 

EUA - Recebido pelo multicampeão mundial e bi-campeão olímpico, o técnico John Smith, Minotauro acompanhou a árdua rotina de treinos da Oklahoma State University (OSU), formadora de nomes famosos no UFC, como Jhony Hendrix e Daniel Cormier, e se impressionou com o garoto Dean Heil - All American, detentor do título nacional e possível futuro lutador de MMA.
 

JAPÃO 2 - No Japão, também tivemos mais uma parada. Entre Tokyo e Osaka, Minotauro voltou a seu esporte de origem e acompanhou o maior campeonato de Judô junto à Universidade.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

No sábado, dia 25 de fevereiro, aconteceu na Arena Piacom em Curitiba o evento AFT, que trouxe 19 lutas amadoras e profissionais de Kickboxing, MMA e também um duelo de Submission.

CLIQUE AQUI para ver nosso show de imagens deste evento.

Abaixo você confere os resultados completos:

Adventure Fighters Tournament
Sábado, 25 de fevereiro de 2017

55 Kg: K1 Profissional - Marcone "Baiano" (Muay Thai Advance) venceu Henrique "Zangado" (Chute Boxe) na decisão unânime dos juízes.
75 Kg: K1 Profissional - Fágner Santos (MM Fight Team) venceu Lucas Schimidt (Insane) por nocaute no primeiro round.
68 Kg: K1 Profissional - Uilian "Fuga" (CM System) venceu Paulo Sérgio (Pelé Team) por nocaute no primeiro round.
93 Kg: MMA Profissional - Matheus "Bufa" (CM System) venceu Márcio Muller (GFT) por nocaute técnico no primeiro round.
57 Kg: MMA Profissional - Paulo C "Pantro" (CM System) venceu Wágner "Mexicano" (GFT) por nocaute técnico no primeiro round.
79 Kg: MMA Profissional - Wellington Lopes (Chute Boxe) venceu Thiago Moucan (Pelé Team) por nocaute técnico no primeiro round.
70 Kg: MMA Profissional - Júlio "Galego" (Pelé Team) finalizou Diego Silva (Madison) com um arm-lock no primeiro round.
63 Kg: MMA Profissional - Diego Santos (Madison) venceu Jucelanio "Cangaceiro" (GFT) por finalização no primeiro round.
66 Kg: MMA Profissional - Bruno Roverso (Chute Boxe) finalizou Rodrigo "Wolverine" (Pelé Team) com um triângulo de mão no primeiro round.

70 Kg: K1 amador - Vabedi (Team Fenômeno) vs. Orli Barbosa (RMFT) - NO CONTEST (luta sem resultado)
68 Kg: K1 amador - Jader Benati (Insane) venceu Rui Alves (MT Brasil) na decisão unânime dos juízes.
61 Kg: K1 amador - Felipe Rodrigues (Pelé Team) venceu Wellington "Neguinho" (The Rock) na decisão dividida dos juízes.
75 Kg: K1 amador - Geo Rodrigues (Team Lions) venceu Anderson Lima (Pelé Team) na decisão unânime dos juízes.
48 Kg: K1 amador - Eduardo Coutinho (Team Krull) venceu Eric Freitas (Killer Bees) na decisão unânime dos juízes.
80 Kg: K1 amador - Marcos Kiko (MM Fight Team) venceu Duh Alves (The Rock) na decisão unânime dos juízes.
55 Kg: K1 amador - Célio "Nene" (Chute Boxe) venceu Shaian Lucas (Team Krull) na decisão dividida dos juízes.
77 Kg: K1 amador -  Maurício "Baiano" (MT Brasil) venceu Sandro Neves (Pelé Team) na decisão unânime dos juízes.
57 Kg: K1 amador - Gabriel Jung (MM Fight Team) venceu Odécio "Goku" (Team Krull) na decisão unânime dos juízes.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

A cidade mineira, localizada na região metropolitana de Belo Horizonte, recebeu pela primeira vez um evento de MMA.
  

No dia 18 de março, o Ginásio Poliesportivo Divino Braga foi o palco da grande festa, que além dos 14 ótimos combates, recebeu também um Torneio de Poker, onde Rodrigo Rocha embolsou R$3.000,00 e, de quebra, levou para casa um cinturão, igual aos dos campeões do octógono.
  

Com 3 cinturões em disputa, o Vegas FN apresentou uma estrutura de primeira, não deixando nada a desejar aos grandes eventos das capitais, começando pela Pesagem Oficial, que foi realizada num dos principais shoppings da cidade, o Monte Carmo, onde o público parou para assistir às tradicionais encaradas e todos os 28 atletas mostraram muito profissionalismo ao bater seus respectivos pesos.
  

Já no Divino Braga, “o bicho pegou”. Na luta principal da noite, Fernando “Ben 10”, depois de um início de round com trocação franca, apostou no clinche na grade e aplicou um knockdown com uma joelhada certeira no rosto de “Grilinho” Silva e tentou ir para as costas, mas logo depois conseguiu a montada. Na tentativa de inverter a posição, Grilinho acabou deixando o braço, Ben 10 aproveitou a brecha e pegou o arm lock.
  

“Treinei muito para essa luta, sabia a qualidade do meu adversário, um cara muito duro e muito experiente mas, Graças a Deus, deu tudo certo e a finalização veio do jeito que meus mestres queriam”, vibrou o campeão da categoria Palha do Vegas FN.
  

Após o combate, Grilinho confessou que estava com uma lesão no ombro, mas para não prejudicar o evento e, principalmente, em respeito ao seu adversário, resolveu lutar assim mesmo mas, infelizmente, afirmou que esta lesão o prejudicou muito e pediu a revanche na próxima edição do evento, prontamente aceito pelo campeão.
  

A disputa pelo cinturão da categoria Mosca foi uma verdadeira guerra entre Sostines “Espirro”, da equipe paulista Babuíno Gold Team e Gabriel Folha, da mineira ATS Team. Durante os cinco rounds a luta em pé predominou, com boas sequencias de ataques de ambos os lados, mas Espirro foi mais contundente e teve um volume de jogo maior, o que levou os árbitros laterais a declararem sua vitória por decisão unânime.
  

“Eu considero esta uma das lutas mais duras da minha carreira, um menino duro, experiente, estava invicto com 7 vitórias seguidas, mas Graças a Deus, minha equipe, minha família e o pessoal da Gueras, que me ajudou em tudo, esta batalha está vencida”, comemora Espirro, que finaliza falando de sua emoção ao conquistar o cinturão no evento organizado pelo seu irmão: “É algo inexplicável na minha vida, a gente que luta, persiste naquele sonho e Graças a Deus consegui conquistar. É uma etapa, mas em nome de Jesus, muita coisa ainda está por vir”.
  

Já o cinturão Meio-médio foi conquistado de uma maneira inusitada. Após um início de round com muita trocação, Jhonny Vieira tentou aplicar uma queda de quadril em Eduardo “Blade” que, mesmo com o golpe encaixado, se defendeu e fez com que Jhonny caísse de cara no chão. O impacto foi tão forte quanto um knockdown. Blade precisou de mais alguns socos para o árbitro interromper o combate.
 

Estas três disputas de cinturões, somadas às demais onze lutas, proporcionaram ao público de Betim uma experiência inédita, que foi muito bem vista pelos governantes da cidade, que foram também os grandes apoiadores para a realização do Vegas Fight Night.
 

“Quero agradecer demais o apoio do prefeito de Betim, Vittorio Medioli, seu vice, Dr. Vinícius Resende, da Secretária de esportes, Andreia Avelar, e do secretário de eventos Jaime Tales, sem eles nada disso teria acontecido. Vou aproveitar para agradecer também a todos os patrocinadores, apoiadores, o pessoal que ajudou na organização e, principalmente, à minha esposa, Sayane, que correu junto comigo. Trabalhamos feito uns loucos, o mérito é todo dela!”, vibra Tonny Geléia, organizador do evento, que comemora o interesse de várias pessoas na realização da segunda edição: “Tem três prefeituras da região que me procuraram para realizarmos o Vegas em suas cidades, além de algumas casas de shows. Acredito que muito em breve teremos novidades”, finaliza.
 

 

Disputa de Cinturão - Palha

52kg - Fernando Ben 10 (BH Sparta) finalizou Grilinho Silva (Babuíno Gold Team) com um arm lock, aos 4min24s do R1;

Disputa de Cinturão - Mosca
57kg - Sostines “Espirro” Carvalho (Babuíno Gold Team) venceu Gabriel “Folha” Pimenta (ATS Team), por decisão unânime;

Disputa de Cinturão - Meio-médio
77kg - Eduardo “Blade” (ATS Team) nocauteou Jhonny Vieira (Gordin Team), aos 1min09s do R1;

MMA

84kg - Marcelo Animal (BH Rhinos) nocauteou Welington Negão (Profight Team), aos 2min57s do R1;

66kg - Cícero Gardenal (Babuíno Gold Team) venceu Wanderson Shaolin (BH Rhinos), por decisão dividida;

66kg - Jhonny Winchester (Mamute Team) venceu André Bandeira (Equipe Combat), por decisão unânime;

84kg - Walison Neguinho (Elite Team) finalizou Leandro Caveirão (Babuíno Gold Team) com um mata leão, aos 4 minutos do R1;

52kg - Natalia Silva (Pro Fight) venceu Simone Silva (Sandá Brasil), por decisão unânime;

52kg - Daniel Miojo (ATS Team) finalizou Vitor Mariano (Sandá Brasil) com um arm lock, aos 1min56s do R1;

93kg - Martin Farley (Chute Boxe/Lucas Mineiro) nocauteou Rodrigo Sousa (Elite Team), aos 2min59s do R1;

Submission

72kg - Caio Gregório (Gordin Team) venceu Marcos Babuíno (Babuíno Gold Team) por pontos, 2 x 0;

93 kg- Alessandro Gambulino (Pantera Negra) finalizou Alberto Luxa (ASL Team) com um arm lock, aos 5min38s;

K-1

70kg - Francis Cardoso (Sandá Brasil) venceu Luis Rodrigues Nuno (Sparta Team) por decisão unânime;

70kg - Willian Wallace (Águia Team) venceu Ederson Mondragon (ASL Team) por decisão unânime;

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Com grandes duelos a quinta edição do X-Force cumpriu a promessa de agitar a cidade de Macaé, na Região Norte Fluminense do Rio de Janeiro. Na noite do último sábado (18), o público que compareceu em massa ao Espaço Cultural de Entretenimento Lounge Music pode assistir a grandes duelos de MMA profissional e amador. Na luta principal da noite, Diego Jhones levou a melhor sobre Everton Gigante por nocaute técnico aos 2:16 do segundo round. No co-evento, Max Alves finalizou Patrique Tavares no primeiro round.

Diego Jhones aceitou o duelo em cima da hora para substituir Natalício Nascimento e surpreendeu. O duelo começou bastante agitado e o atleta da DTM entrou disposto e foi para cima de Everton Gigante, o combate foi bastante equilibrado. No segundo round, Diego continuou indo para cima e após conseguir colocar o adversário para baixo conectou golpes fortes até o árbitro Baioneta interromper aos 2:16. Após a vitória, Jhones comemorou bastante e agradeceu a oportunidade.

“Quero agradecer a Deus, a minha equipe DTM Team, todos que me ajudaram e ao dono do evento pela oportunidade, mas também gostaria de agradecer ao Gigante que me concedeu essa oportunidade. Acabei aceitando a luta em cima da hora, mas isso acontece nas melhores famílias e guerra é guerra, meu sonho é lutar, então vou lutar e cair para dentro”, disse.

O co-evento foi um confronto de estilos, de um lado Max Alves, que com seu forte poder no Jiu-Jitsu, tentava levar o duelo para chão enquanto Patrique Tavares tentava manter a luta em pé para mostrar seu Muay Thai afiado. Mas Max acabou levando a melhor e ao conseguir colocar a luta no chão, encaixou uma bela chave de pé, que fez Patrique gritar sinalizando desistência.

“Queria agradecer a todos, já que todo mundo sabe que venho de três derrotas seguidas, isso vinha me prejudicando e me desanimando demais, mas graças a Deus e fruto de muito trabalho, tudo deu certo e consegui colocar tudo que treinei em prática. O Patrique é trocador nato, já conheço o jogo dele e tinha certeza que não podia entrar numa de trocar com ele, senão ia me dar mal, então incentivei ele a vir para cima e quando ele menos esperou usei meu jogo e graças a Deus deu tudo certo”, disse Max Alves que se recuperou de uma sequêcia de três derrotas consecutivas.

Outros destaques do card profissional de MMA foram as finalizações de Mário Orelha sobre Felipe Guerreiro e de Tiago Pitbull em Pedro Carvalho, ambas por mata leão, além do nocaute polêmico de Rudinei Carvalho sobre Wanderson da Silva, onde o atleta Arena Champs conectou bons golpes e ao perceber que o atleta da Relma Combat estava nocauteado, o árbitro Johil de Oliveira encerrou o duelo, o que gerou muitos protestos, já que Wanderson e sua equipe não concordaram com a interrupção.

Anuncios e desafios

Durante o XForce 5 foram anunciadas algumas atrações para o próximo evento como a próxima disputa pelo cinturão dos penas (até 66kg), onde Gabriel Oliveira defenderá seu título contra Italo Gomes, que se credenciou a ser o próximo desafiante ao vencer Paulo Ricardo Cangaceiro por decisão unânime. O campeão dos galos (até 61kg), Alberto Pantoja aproveitou para desafiar o campeão dos moscas (até 57kg), Lincon de Sá para unificar os cinturões.

“Tiro de meta” desclassifica lutador

O duelo João Francês entre Paulo Motta vinha acontecendo normalmente e Paulo, até então, levava vantagem no duelo, mas no terceiro round o atleta da Relma Combat acertou um chute no rosto do lutador da Art Combat, quando tentava se levantar e caiu desacordado, como o golpe é ilegal, Motta foi desclassificado e a vitória ficou com Francês;

MC Serginho anima a galera

Enquanto aguardava o intervalo entre o card amador e profissional, MC Serginho foi responsável por animar o público. O funkeiro cantou sucessos de sua carreira como “Éguinha Pocotó” e “Vai Serginho” entre outros, além de mostrar muita irreverência e carisma.

Finalização relâmpago foi destaque do card amador

Os atletas amadores foram os responsáveis pela abertura da noite de lutas de MMA do XForce 5 e o principal destaque do card foi o nocaute relâmpago de Davi Reis que precisou de apenas 20 segundos para finalizar Vinny PQD ao conectar uma linda guilhotina que fez o adversário apagar. A outra finalização veio com Alessandro Pinguin que também encaixou uma guilhotina obrigando Eliuson Samuray a dar os três tapinhas de desistência.

Duelos de Submission agitaram o último dia do XForce 5

Após uma noite de grandes duelos de MMA, no domingo (19) foi a vez dos atletas do Submission darem o show na arena montada no Lounge Music. Os amantes da luta agarrada puderam assistir a grandes combates e a luta principal da noite levantou o público. Após uma disputa acirrada até os últimos segundos, Eduardo Joanino levou a melhor sobre Izaac Guimarães. Outros destaques foram as finalizações de Renatinho sobre Felipe Cyriaco e Vitor Lemos em cima de Cristiano Pinheiro, ambas por triângulo.

Confira os resultados do XForce 5
MMA Profissional
Até 94kg – Diego Jhones venceu Everton Gigante por nocaute técnico (socos) aos 2:16 do 2o. round
Até 70kg – Max Alves venceu Patrique Tavares por finalização (chave de pé) aos 3:23 do 1o. round
Até 66kg – Ítalo Gomes venceu Paulo Ricardo Cangaceiro por decisão unânime (triplo 29-27)
Até 66kg – Tomas Jon Jhones venceu Iago Marques por decisão unânime (triplo 30-27)
Até 63kg – Rudinei Carvalho venceu Wanderson da Silva por nocaute (socos) aos 3:30 do 1o. round
Até 61kg – Tiago Pitbull venceu Pedro Carvalho por finalização (mata leão) aos 3:24 do 1o. round
Até 61kg – João Francês venceu Paulo Motta por desclassificação (golpe ilegal) aos 3:36 do 3o. round
Até 60kg – Mário Orelha venceu Felipe Guerreiro por finalização (mata leão) aos 2:50 do 2o. round

MMA Amador
Até 75kg – Daniel Borges venceu Matheus Coutinho por decisão unânime (triplo 29-28)
Até 66kg – Alessandro Pinguin venceu Eliuson Samuray por finalização (guilhotina) aos 1:48 do 2o. round
Até 66kg – Davi Reis venceu Marcus Vinícius “Vinny PQD” por finaização (guilhotina) aos 20 segundos do 1o. round
Até 61kg – Vitor Hugo Nego venceu Davi Teixeira por decisão unânime (triplo 29-28)
Até 61kg – Elizeu Batoré venceu Felipe Xaropinho por nocaute técnico (socos) aos 1:54 do 2o. round

Submission
Eduardo Joanino (Joanino Jiu-Jitsu) venceu Izaac Guimarães (Cesar Maillet Team) por 5 a 4
Luis Felipe (ABJJ/Joanino Jiu-Jitsu) venceu Celso Augusto “Mineiro” (Cesar Maillet Team) por 6 a 4
Renatinho (Renato Ferro Jiu-Jitsu) venceu Felipe Cyriaco (ABJJ/Joanino Jiu-Jitsu) por finalização (triângulo) aos 1:34
Claudio Joanino (Joanino Jiu-Jitsu) venceu Marcos Machado (Renato Ferro Jiu-Jitsu) por 1 a 0
Vitor Lemos (Cesar Maillet Team) venceu Cristiano Pinheiro (NC Fighter) por finalização (triângulo) aos 4:00
Felipe Paes (Joanino Jiu-Jitsu) venceu Thiago Marciano (Top Brother Fighter) por 1 a 0
João Papel (Joanino Jiu-Jitsu) venceu Jean Fera (Elite Gym/Barroco Combat) por 4 a 2
Juliederson (Cesar Maillet Team) venceu Angelo Pimentel (NC Fighter) por 3 a 0
Ronny Peterson (Art Combat) venceu João Magrinho (NC Fighter) por 4 a 0
Bruno Couto (Art Combat) venceu Diego Pontes (Cesar Maillet Team) por 8 a 2

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Com 3 disputas de cinturão, Caxias do Sul recebe a décima segunda edição do JVT Championship, dia 20 de Maio

Programado para acontecer no dia 20 de maio, a cidade de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul recebe a décima segunda edição do JVT Championship. O evento vai receber seis lutas de MMA Profissional e uma de K1, além de três disputas de cinturão.

UNIFICAÇÃO DE CINTURÃO

Quando se fala de JVT em Caxias, é impossível não ligar ao combate tão esperado entre Dimitry Zebroski vs Silas Robson, entenda a história: Ambos atletas se enfrentaram pela primeira vez em maio de 2016, quando Dimitry venceu pela decisão unânime - em um duelo magnífico de muita trocação e até com knockdown. A revanche esperada para a décima primeira edição, em outubro do ano passado, não aconteceu por conta de uma lesão de Dimitry. Para a disputa do título interino, Daniel Espirito Santo entrou em seu lugar e acabou sendo derrotado por Silas, com uma finalização (estrangulamento) no primeiro round, sendo credenciado para a revanche e unificação do cinturão. Meses se passaram, e se a "bruxa das lesões" não aparecer, a atração vai acontecer.

DUAS DEFESAS DE TÍTULOS

Surpreendendo o forte jogo do gaúcho Claudir Dutkevis e a pressão da torcida da casa, Adilson "Pica-Pau" Ramos venceu o primeiro duelo na decisão unânime dos árbitros laterais, pelo JVT 11, em outubro do ano passado. O duelo é válido pela categoria dos pesos penas.

Na outra defesa de cinturão da noite, os lados opostos do mundo das lutas se encontram: O respeitado peso pesado de Porto Alegre/RS, Edison Lopes, 38 anos, defende seu reinado diante da jovem relevação gaúcha, Leandro Xavier. O atleta natural de Montenegro/RS conta com uma invenbilidade no MMA Profissional de cinco vitórias consecutivas, já Edison contabiliza 7 vitórias e duas derrotas.

JVT Championship 12
20 de maio, a partir das 20h (horário de Brasília)
Ginásio Vascão (Rua José Soares Oliveira, 2557 - Bairro Pio X)
Caxias do Sul/RS

Confira o card completo (sujeito a modificações):

1. DEFESA DE CINTURÃO - MMA até 77 Kg: Dimitry Zebroski/ Sombra Team/ Porto Alegre – RS. Vs. Silas Robson/ Training/ Art-Of-Fighting/ Caxias do Sul – RS.

2. DEFESA DE CINTURÃO - MMA até 66 Kg: Adilson Ramos “Pica-Pau”/ XGym/ Rio de Janeiro - RJ. Vs. Claudir Dutkevis/ Training/ Caxias do Sul – RS.            
                                                                                                 
 3. DEFESA DE CINTURÃO - MMA até 120 Kg: Edison Lopes/ Lion Team/ Mohamed Jehad/ Porto Alegre - RS. Vs. Leandro Xavier/ Spartacus/ Montenegro – RS.                                   

4. MMA até 66 Kg: Leandro Barbosa/ Jorge Velho Team/ WU Sports/ Caxias do Sul – RS. Vs. Fernando Colman/ Training/ Caxias do Sul – RS. 

5. MMA até 70 KG: Maicon Miler/ Elite Thai/ Team Nogueira/ Camaquã - RS. Vs. Igor Mieres/ Garra Team Caldeira/ Bento Gonçalves- RS.

6. MMA até 84 Kg: Felipe Boa Ventura/ Sombra Team/ Porto Alegre Vs. Rafael "Ogro" Xavier/ Nova União/ Marcos Cunha/ Prado Fight/ Antonio Prado - RS. 

7. MMA até 61 KG:  Vinicius Prego Sombra/ Sombra Team/ Porto Alegre –RS.  Vs. Tiago dos Santos Ebertz/ Garra Team Caldeira/ Bento Gonçalves - RS.

8. MMA até 96 Kg (peso combinado): Cristian Goetz/ Alceni Team/ Tito Team/ Marau - RS. Vs. Fabricio Silva/ Alliance/ Mario Reis/ JVT/ Caxias do Sul - RS.

9. MMA até 67 Kg (peso combinado): José Santos/ Lion Team/ Mohamed Jehad/ Porto Alegre - RS. Vs. Lucas Marcon "Soneca"/ Training/ AOF/ JA/ Caxias do Sul -RS.

10. K1 até 67 Kg:  Gabriel Velho/ Training/ Caxias do Sul – RS. Vs. Maicon Tedesco/ Fight Center/ Naja Torres Team/ Torres -RS.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

No dia 31 de março, a organização True Time está preparando uma grande edição em plena sexta-feira a noite dentro das dependências da UDL, no bairro Juvevê em Curitiba. Na luta principal, Ricardo Alves enfrenta Tiago "Moicano" em duelo de MMA profissional.

Outro duelo muito aguardado é o combate de Submission entre Cleiton Caetano e Bruno Blindado. Os dois já se enfrentaram, com vitória do atleta da UDL por pontos. Ambos já estão se provocando através de vídeos postados em rede social.

Os duelos de boxe também estão sendo muito aguardados para esta edição, incluíndo a rivalidade entre CM System e Evolução Thai no duelo entre Daniel Gaúcho e Hemerson Toco.

Confira o card:

True Time - Fight Night
Sexta-feira, 31 de março de 2017
UDL - Curitiba / PR

KICKBOXING AMADOR:

1 -Sub 15 52kg - Angelita Cassins (CT Leones) vs Letícia Kauany (Força Thai)
2 - Sub 15 61Kg - Fabio "Ben10" (Evolução Thai) vs Felipe Cardoso (Striker's House)
3 - Sub 17 61Kg - Marcos Vinicius (Striker's House) vs João Vitor (Equipe Motta)
4 - 60Kg - Rayssa Savedra (UDL) vs Claides Zirmeman (Força Thai)
5 - 55Kg - Celio "nenê monge" (The Rock/Chute Boxe) vs Lennon (Nova Geração)
6 - 57Kg - Jaime "Pinduca" (Teixeira Team/Diego Shaolin) vs Willian Mattos (Cm System/Team Uilian Fuga)
7 - 63Kg - Ian Kelvin (Nova Geração) vs Welington "neguinho" (The Rock/Chute Boxe)
8 - 66Kg - Douglas 'novato' (UDL) vs Thiago "Maceió" (The Rock/Chute Boxe)
9 - 66Kg - Maicon Silva (MMFight Team) vs Leandro Ligth (MangueBoy)
10 - 80kg - Duh Alves (The Rock/Chute Boxe) vs Leonardo Antunes (Sport Thai)
11 - 85Kg - Alan 'Brinks' (MMFight Team) vs Flavio Oliveira (Nova Geração)
12 - Cinturão K'1 70Kg - Jader Benatti (Insane FT) vs Arthur Lima (Evolução Thai)

KICKBOXING PROFISSIONAL:

13 - 70Kg - Robson Pereira 'Sakuraba' (MMFight Team) vs Paulo Sérgio (Pelé Team)

BOXE AMADOR:

14 - 57Kg - Paulo Henrique (Área Vip) vs Alan Dias (Emporium)
15 - 60Kg - Morgana Pedrita (Emporium) vs Dayane Códova (Insane FT)
16 - 77Kg - Fabio Cordeiro (Evolução Thai) vs Lucas Schmidt (Insane Fight)
17 - 77Kg - Willian Rafael (Rasthai Temple) vs Lucas Diego (Area Vip)
18 - 91Kg - Hemerson Toco (Ev. Thai) vs Daniel Gaúcho (CM System)

SUBMISSION:

19 - 70Kg - Carlos Henrique (Rasthai Temple) vs Lucas Rocha (Golden Boys)
20 - 80Kg - Leandro Santos 'Laco' (Arena Colombo) vs Vinicius Sampaio (Evolução Thai)
21 - 93Kg - Bruno Blindado (Evolução Thai) vs Cleiton Caetano (UDL)

MMA AMADOR:

22 - 57Kg - Rodrigo 'Caiçara' (MangueBoy) vs Helio "Sabotagem" (Emporium)

MMA PROFISSIONAL:

23 - 77Kg - Ricardo Alves (The Rock/Chute Boxe) vs Tiago "Moicano" (Pelé Team)

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Clique aqui para ver uma nova galeria de fotos do Brave Combat Federation 3, evento que foi realizado no dia 18 de março em São José dos Pinhais. Com exclusividade, a Primeiro Round apresenta os bastidores da semana do Brave no Brasil. 

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

 

Um grande festa está sendo preparada para celebrar o aniversário de quatro anos de um dos principais eventos regionais de Curitiba. O Gladiator Combat Fight já realizou duas edições em 2017 e prepara um super card para o dia 8 de abril.
 
O card está sendo formado mas já conta com nomes profissionais, como Israel Pereira, da Chute Boxe Monge, Gustavo "Wolverine", da Combate Absoluto, Rodrigo Carvalho, da Champions e o atleta Danilo Marques, que treina com o atleta do UFC, Demian Maia.
 
Entre os amadores, o destaque fica novamente para Alisson Murilo, vencedor do Prêmio Melhores do Ano Primeiro Round em 2016 como Melhor Atleta Amador. O atleta da Chue Boxe já fez várias lutas neste ano e conquistou 100% de aproveitamento.
 
Os ingressos começam a ser vendidos nesta semana nas academias participantes e custam 25 reais.

Vencedores do Brave iniciaram a carreira no Gladiator
 
No último final de semana, a cidade de São José dos Pinhais recebeu a terceira edição do Brave Combat Federation, evento do Bahrain, no Oriente Médio. Entre os vencedores, os atletas Rogério Bontorin e Luan Miau Santiago já tiveram passagem pelo Gladiator Combat Fight. Bruno Roverso também já participou de algumas edições do evento e Marcos Pirata, dono da melhor luta da noite, já esteve em ação no Evolution Fight Combat, evento do mesmo produtor Josafá Liberal.
 
Confira como está a formação do card:
 
Gladiator Combat Fight 28 - Edição de Aniversário
Sábado, 8 de abril de 2017
Arena Piacom (Estrada da Ribeira, ao lado da Nutrilatina)

MMA PROFISSIONAL:
 
57 Kg: Gustavo Wolverine (Combate Absoluto) vs. A definir
63 Kg: Diego "Tenso" (Demian Maia) vs. Israel Pereira (Chute Boxe)
97 Kg: Danilo Marques (Demian Maia) vs. Marcio "Urso" Fernando (GM Top Team)
 
KICKBOXING PROFISSIONAL:
 
60 Kg: Rodrigo Carvalho (Champions) vs. Diego Ramos (Noguchi - Ponta Grossa)
 
CARD AMADOR:
 
MMA:
 
61 Kg: Alisson  Murilo (Chute Boxe) vs. A definir
77 Kg: Diorran "Beltrão" (CM System) vs. Willian Rafael (Rasthai)
57 Kg: Talita Santos (Combate Absoluto) vs. A definir
61 Kg: Wesley "Paraíba" (Black Belt) vs. Douglas Cássio (Hardcore Team)
66 Kg: Alisson "Pancadão" (Indio Top Team) vs. A definir
 
K1:
 
61 Kg: Kaique Everton (Black Belt) vs. Lucas Quadros (Noguchi - Ponta Grossa)
52 Kg: Stevan Mateus (Hardcore) vs. Diogo Munhoz (Sport Thai)
53 Kg: Natasha Weber (Team Krull) vs. Jaque Silva (COVS Team)
61 Kg: Nicole Ribeiro (Combate Absoluto) vs. Cassiana Santos (Confiance)
61 Kg: Mateus Guimb (Krull Team) vs. Diogo Souza (Thainaja)
61 Kg: Ian Soares (Atman Fight College) vs. Cristian Gresman (Feras da Luta)
66 Kg: Everton "Tigrão" (Combate Absoluto) vs. Renan Polanski (Hardcore)
66 Kg: Lucas Ramos (COVS Team) vs. Brendon Fernandes (Feras da Luta)
84 Kg: Rogério Jacob (Combate Absoluto) vs. Guilherme Indio (Noguchi - Ponta Grossa)
52 Kg: Chain Lucas (Krull Team) vs. Hebert Gonçalves (Invictus)

 

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias
Página 1 de 370